A IMPORTÂNCIA DO ÔMEGA-3 NA NUTRIÇÃO APÓS A CIRURGIA BARIÁTRICA FDC Vitaminas

A obesidade é uma doença de origem multifatorial. Fatores genéticos, ambientais, comportamentais e hormonais podem estar envolvidos em graus variados. É uma condição grave, muitas vezes associada à hipertensão arterial sistêmica (HAS), Diabetes Mellitus Tipo 2 (DM2), aterosclerose e outras doenças, devendo ser tratada com a mesma seriedade e determinação com que se tratam estas enfermidades. 1

A cada dia surgem novos estudos confirmando os benefícios e vantagens da cirurgia bariátrica para a saúde do paciente obeso mórbido. Em um dos congressos mais renomados do Brasil, o GANEPÃO realizado em São Paulo em 2022, uma pesquisa apresentada pela palestrante Raquel Torrinhas merece destaque, dentre os achados, a pesquisa reforça que a cirurgia bariátrica realmente pode contribuir para a redução ou desaparecimento dos sinais e sintomas da DM 2.

A diminuição acentuada na ingestão de macro e micronutrientes é amplamente relatada após procedimentos bariátricos, de modo que pode resultar em deficiência acima de 50% nas necessidades nutricionais em alguns pacientes. No entanto, esse estudo apresentou achados inéditos, pois a parte que avaliou a expressão intestinal de genes que codificam as dessaturases (enzimas), que são responsáveis pela transformação para a formação do eicosapentaenóico (EPA) e docosahexaenoico (DHA), e que estão envolvidas no metabolismo dos ácidos graxos tem uma diminuição de expressão após o procedimento naqueles pacientes que realizaram a técnica by-pass.

Em contrapartida, diversos estudos demonstram os efeitos benéficos do ômega-3 por diminuírem os sintomas ou até a progressão de várias doenças, como as cardiovasculares 2, as dislipidemias 3, as doenças inflamatórias crônicas, como a artrite reumatóide e a colite ulcerativa 4. O fato do ômega-3 ser incorporado às membranas celulares pode acarretar algumas modificações na estrutura e função delas, como a melhora da absorção dos nutrientes. Além disso, ômega-3 tem papel importante para auxiliar os indivíduos com obesidade, pois esses estão em um estado de inflamação crônica, com níveis anormais de fator de necrose tumoral (TNF-a), interleucina (IL-6, IL-18, IL-10), PCR, e de hormônios, conhecidos como adipocinas (por exemplo, adiponectina, leptina, resistina) 5, 6.

Diante da importância do ômega-3 para um bom funcionamento do organismo, podemos destacar que os pacientes que realizam a cirurgia bariátrica necessitam da suplementação de ômega-3 forma contínua, assim como a suplementação de micronutrientes que estão presentes no polivitamínicos.

É importante destacar que a suplementação nutricional no paciente bariátrico deve ser acompanhada por um nutricionista membro associado da Comissão das Especialidades Associadas (COESAS) da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica (SBCBM) para uma maior segurança e monitoramento completo para a definição das suas necessidades nutricionais.


 

 

REFERÊNCIAS

1 BRAY, GA. Risks of obesity. Endocrinol Metab Clin N Am. 2003; 32: 787-804.

2 LEMAITRE et al. Polyunsaturated fatty acids, fatal ischemic heart disease, and nonfatal myocardial infarction in older adults: the cardiovascular health study. Am J Clin Nutr. 2008; 77: 319-325.

3 PAN, M. et al. Lipid peroxidation and oxidant stress regulate hepatic apolipoprotein B degradation and VLDL production. J Clin Invest. 2004; 113: 1277-87.

4 CAMPOS, F G et al. A imunonutrição em colite experimental: efeitos benéficos dos ácidos graxos omega-3. Arq Gastroenterol. 2002; 39: 48-54.

5 ROBINSON, Lindsay E. Inflammation, obesity, and fatty acid metabolism influence of n-3 polyunsaturated fatty acids on factors contributing to metabolic syndrome. Appl. Physiol. Nutr. Metab. 2007; 32: 1008–1024.

6 BOSCO, SMD. Efeito do ácido graxo poliinsaturado ômega 3 em pacientes obesos mórbidos e com síndrome metabólica. [TESE DE DOUTORADO]. Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2009.

Cirurgia bariátricaColesterolColesterol hdlColesterol ldlCoraçãoCuidado com a saúdeDocesDoença crônicaFunção cardiovascularHábitos de vida saudáveisObesidadeOmegaÔmega-3

Deixe um comentário